Image default
Home » Traficante internacional é preso em apartamento de luxo em Balneário Camboriú
Internacional

Traficante internacional é preso em apartamento de luxo em Balneário Camboriú

Sérgio de Arruda Quintiliano Neto, conhecido como Minotauro, era ligado a uma facção criminosa. Ele é um dos narcotraficantes mais procurados pela polícia do Brasil e do Paraguai.

Sérgio de Arruda Quintiliano Neto, conhecido como Minotauro, foi preso em Balneário Camboriú — Foto: Reprodução/ TV Globo
Sérgio de Arruda Quintiliano Neto, conhecido como Minotauro, foi preso em Balneário Camboriú — Foto: Reprodução/ TV Globo

Um traficante internacional de drogas, ligado a uma facção criminosa paulista, com atuação nas regiões Centro-Oeste e Sul, foi preso nesta segunda-feira (4) em Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense.

De acordo com a Polícia Federal, Sérgio de Arruda Quintiliano Neto, conhecido como Minotauro, de 32 anos, foi detido em um apartamento de luxo na Avenida Atlântica, por volta das 17h. Ele é um dos narcotraficantes mais procurados pela polícia do Brasil e do Paraguai.

Os policiais apreenderam 100 mil dólares, dinheiro em espécie, celulares e um carro de luxo. Até a última atualização desta reportagem, o G1 não tinha conseguido contato com a defesa do preso.

Dinheiro, celulares e um carro de luxo foram apreendidos pela PF — Foto: Reprodução
Dinheiro, celulares e um carro de luxo foram apreendidos pela PF — Foto: Reprodução

Contra o suspeito, havia dois mandados de prisão em aberto, um da Justiça de Mato Grosso do Sul e outro de São Paulo.

“Havia a informação que ele poderia estar morando em Balneário Camboriú desde novembro. Nós começamos um trabalho investigativo, a Polícia Federal de Santa Catarina e também do Mato Grosso do Sul, e nós identificamos dois imóveis que ele estaria ocupando. Hoje ele foi preso em um desses prédios”, explica o delegado Thiago Giavarotti, da Polícia Federal de Itajaí.

Entre os crimes atribuídos a ele estão os assassinatos de um policial civil, de uma advogada argentina e de um ex-empresário e candidato a prefeito.

As investigações apontam que a facção do narcotraficante comandava os carregamentos de cocaína da Bolívia, que eram introduzidos no Brasil pela fronteira Sul de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. A polícia afirma que, com a chegada de Minotauro, a violência aumentou na região.

O local de detenção do homem não foi revelado, por questões de segurança, segundo a Polícia Federal.

Fonte: G1 SC

Related posts

Maduro toma posse hoje para 2º mandato cada vez mais isolado

Marconi FM

Seis brasileiros morrem por acidente de gás no Chile

Marconi FM

Prisão de funcionário de Guaidó gera reações de líderes estrangeiros

Marconi FM

Leave a Comment

Este site utiliza cookies para aprimorar a sua experiência. Clicando em ok você concorda e pode sair a qualquer momento. Aceitar Veja mais

Política de cookies